Nomes citados para o ministério da educação do governo Bolsonaro

Foto do Google
O presidente eleito Jair Bolsonaro já anunciou os nomes de cinco  ministros de seu governo: Paulo Guedes (Economia), Augusto Heleno (Defesa), Sérgio Moro (Justiça e Segurança Pública) e Marcos Pontes (Ciência e Tecnologia), Ernesto Araújo (Relações Exteriores). Ainda não se sabe quem serão ministro da educação. Existem alguns nomes citados para ocupar  esta pasta:

Mozart Ramos - diretor de articulação e inovação do Instituto Ayrton Senna.

Stavros Xanthopoylos - consultor em Educação de Jair Bolsonaro, Stavros é membro da diretoria de relações internacionais da Associação Brasileira de Educação a Distância (Abed).

Ricardo Velez Rodriguez - coordenador do Centro de Pesquisas Estratégicas da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF).

Aléssio Ribeiro Souto - formado pela Academia das Agulhas Negras e pelo Instituto Militar de Engenharia. Elaborou as propostas do presidente para a área de Educação. 

Miguel Nagib - procurador do Estado de São Paulo desde 1985.

Mendonça Filho - foi ministro da educação durante dois anos no governo Temer.

Maria Inês Fini - presidente do Instituto Nacional de Pesquisas Educacionais (INEP).

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem