Secretaria de Educação do Paraná contrata funcionários em regime emergencial

funcionário administrativo
Contratação de funcionários emergenciais melhora o trabalho de escolas em janeiro
Foto: Pixabay

Muitas pessoas pensam que o mês de janeiro é um período tranquilo para as escolas ou até acham que não existe nenhum trabalho a ser feito. Muito pelo contrário, a demanda de tarefas é enorme, pois, é o período em que as escolas precisam se organizar para  o início do ano letivo e também atender as solicitações dos núcleos regionais de educação e da própria secretaria de estado. O atendimento à comunidade também é um trabalho que exige organização. Para desempenhar bem esses papeis, as escolas precisam estar com um número de pessoal suficiente.

Há anos muitas escolas púbicas do Paraná enfrentam dificuldades para desempenhar suas funções administrativas. A falta de pessoal efetivo faz com que no início de cada ano, o número de funcionários esteja reduzido, por conta do encerramento dos contratos temporários que acontecem em dezembro.

Para o ano de 2020 a Secretaria de Educação adotou uma medida para diminuir o acúmulo de tarefas para os poucos funcionários efetivos que permanecem, e melhorar o atendimento nas secretarias. A contratação de funcionários emergenciais pelo Processo Seletivo Simplificado (PSS),  foi uma novidade nesse ano. 

Seria interessante que essa ação permanecesse para os próximos anos e que ocorram concursos para suprimento das vagas do setor administrativo e serviços. O último concurso para área administrativa ocorreu em 2005. Já para  serviços gerais, o último concurso foi em 2006.

As convocações para comprovação de títulos para os cargos de Agente Educacional I e II devem acontecer até o final desse mês, para suprimento das vagas ainda existentes.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem