Desigualdade educacional: aluno de escola particular X aluno de escola pública

Estudantes de escolas públicas brasileiras apresentam baixo desempenho na avaliação do PISA

O Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (PISA) realizado em 2018, mostrou que o Brasil ocupa o 57º lugar no ranking da educação.
Foram avaliados o desempenho de estudantes de 79 países em matemática, ciências e leitura. 

Além da má colocação no ranking da educação, a avaliação ainda mostra a diferença de aprendizagem entre estudantes de escolas particulares e escolas públicas, no Brasil.
Os resultados do PISA mostram que o desempenho dos alunos de escolas particulares está próximo ao apresentado por estudantes da Austrália, Croácia e Portugal. Já os alunos das escolas públicas estão muito abaixo dos índices de aprendizagem. 

A diferença de desempenho escolar entre alunos pobres e ricos aumentou nos últimos dez anos. Um jovem rico tem em média, três anos de escolaridade a mais que um jovem pobre.
Existem ainda diferenças entre escolas das regiões do país. As regiões sul e sudeste apresentam melhor desempenho do que as regiões norte e nordeste. 

O PISA é realizado a cada três anos e  são avaliados estudantes de 15 anos. Em 2018  foram avaliados cerca de 10,7  mil estudantes de 638 escolas brasileiras.(Foto: Pixabay)


Fonte: Gazeta do Povo

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem